Relacionamento com clientes é um tema em alta nas empresas atualmente. Mas não é um mero modismo. Bem, para começar, precisamos diferenciar “relacionamento” de “atendimento”. Lamentavelmente, a maioria das empresas ainda está muito preocupada em fazer um bom atendimento, mas não pensa em como gerar relacionamento com seus potenciais e já conquistados clientes. Até pouco tempo – cerca de 20 anos – nem o atendimento fazia parte do planejamento estratégico das empresas.

O esforço de construir e sustentar a infraestrutura dos relacionamentos com clientes é chamado de Marketing de Relacionamento. Ou seja, uma série de processos que garantem satisfação contínua e reforço aos indivíduos ou organizações que são clientes atuais ou que já foram clientes. Envolve identificação, reconhecimento, comunicação, ouvidoria e respostas ágeis ao cliente.

Dentro disso, veja a seguir 4 vantagens que um bom relacionamento com clientes pode trazer para a sua empresa:

1 – Relacionamentos vendem

Isso mesmo. Relacionamentos geram vendas orgânicas, ou seja, geram reais interesses nos produtos e serviços e conquistam clientes para comprar espontaneamente. Também não é errado dizer que, muitas vezes, bons relacionamentos até minimizam os defeitos de um produto.

Se relacionamento é a forma com que os indivíduos se tratam e se comunicam, no meio corporativo essa máxima se eleva, pois quanto melhores os relacionamentos, mais confiantes ficam ambas as partes e, definitivamente, clientes só compram de quem confiam.

As empresas se preocupam muito em treinar sua equipe de vendas. É enorme a quantidade de cursos do tipo “como vender bem”, quando, na verdade, as pessoas precisam se desenvolver em “como se relacionar bem”.

2 – Relacionamentos retêm clientes

Quando a empresa se coloca como parceira do cliente, mantendo contatos que vão além da venda, as chances desse cliente se tornar fiel são maiores. Isso não envolve apenas o pessoal de vendas, mas todos aqueles que de alguma forma têm contato com o cliente – quase todos os profissionais dentro de uma empresa têm, em algum momento, algum tipo de contato com o cliente.

E para manter esses contatos é preciso conhecer o cliente, ter histórico de suas compras e conhecer suas necessidades. Em graus comedidos de aproximação, é interessante também parabenizá-lo no dia do aniversário (no caso de negócio B2C), ou no aniversário da marca (para negócios B2B), por exemplo. É importante que o cliente se sinta único a cada interação.

3 – Relacionamentos fidelizam colaboradores

As empresas que têm uma cultura de relacionamento bom com seus clientes, geralmente também a estabelecem internamente. Isso porque a maior parte dos atributos que o mercado percebe da imagem de uma empresa vem de sua equipe.

Assim, quanto melhores forem os laços entre clientes e colaboradores, mais feliz a equipe será e, consequentemente, menor será o turn over. A cultura do relacionamento com o cliente alimenta o bom relacionamento interno e vice-versa.

4 – Relacionamentos elevam a reputação

Existe uma camada invisível de sustentação da imagem de uma marca que vai sendo construída ao longo dos anos. Essa base se chama reputação. Ela é a forma com que o mercado, os colaboradores, os fornecedores, enfim, todos os públicos de uma empresa a veem.

E atualmente, as empresas têm a sua disposição um grande número de canais de comunicação, especialmente no meio digital que oferece ferramentas para o diálogo constante. As mais importantes ferramentas são as redes sociais digitais, que permitem à empresa um grande alcance e a possibilidade de interagir quase em tempo real. É preciso, acima de tudo, estar disposto a ouvir.

Quando o relacionamento com todos os públicos está fortalecido e devidamente alimentado, a reputação fica reforçada. Assim, se eventualmente acontecer algo que possa abalar a imagem da empresa, essa camada invisível de sustentação a fará recuperar o fôlego mais rapidamente.

Fonte: Blog do Plug