Muitas empresas ainda não existem no mundo digital, ou existem de forma inadequada: não possuem site, não possuem fanpage nas redes sociais e suas lojas físicas não são referenciadas em aplicativos como o Google Maps, ou foursquare por exemplo. Esse anonimato digital prejudica a vida do consumidor que no momento de necessidade não consegue encontrar o serviço que procura, e a empresa fica sem fazer a venda.

O conceito omnichannel procura fundamentar justamente o oposto: a empresa precisa estar em todos os canais relevantes para o seu cliente para aproveitar o momento em que o usuário necessitar dos serviços dela. Com a revolução do smartphone, o usuário passa a estar cada vez mais conectado, tendo rápido acesso à informação diretamente do seu bolso, onde quer que esteja.

A internet se tornará o meio padrão de compra e venda dentro de alguns anos, devido à sua praticidade e também por conta da necessidade de resolver o que é necessário de forma veloz. As empresas precisam abraçar esta realidade como fator de sobrevivência, ou tendem a desaparecer, como já tem acontecido com muitas.

O setor de varejo, por exemplo, precisou reinventar-se: empresas que antes apenas mantinham estruturas de lojas físicas precisam também passar a atender no mundo online para se manterem competitivas e lucrativas.

As mídias sociais evoluíram muito em aprendizado sobre seus utilizadores, cada vez mais extraindo dados como interesses pessoais, gostos, segmentando grupos, nichos e tendências. Com os avanços da cognição artificial e do aprendizado de máquina, as mídias sociais já são capazes de dizer os gostos pessoais de um utilizador baseando-se apenas em seu comportamento na rede.

Tudo isso implica em facilidade para quem quer explorar este mercado, que outrora demandava muito trabalho e investimento, hoje está a poucos cliques. Portanto, você, leitor, que talvez não esteja investindo ainda na internet e nas mídias sociais como canais de entrada para seu negócio, saiba que você pode estar deixando de fazer vendas. E pior: sua concorrência está de olho nisso. Em um mercado tão competitivo como o de hoje, onde produtos se tornam commodities, cada venda e cada oportunidade não pode ser negligenciada.

Deixar o cliente sem suporte em canais importantes como o Facebook, Instagram, entre outros, gera uma imagem negativa da empresa, além de uma frustração por parte do consumidor 4.0, que quer ter acesso ao que necessita no exato momento em que é despertado o interesse em seu inconsciente.

Pra ajudar a sua empresa a ter penetrabilidade nesse mundo online, nós desenvolvemos a Huggy. Somos uma empresa jovem que busca aprender com o mercado na velocidade das mudanças, trazendo para você as tecnologias já consolidadas e também as tendências. Preocupe-se apenas com o seu negócio e cuidamos do resto.

Em nossas pesquisas percebemos que ainda há empreendedores que resistem ao mercado online por mero comodismo, ignorando as oportunidades e um novo mercado a explorar. Esperamos que você, faça parte do mercado digital e que embarque nessa jornada com a Huggy.

Venha nos conhecer, acesse agora www.huggy.com.br e veja as soluções que temos para você.