Retrospectiva 2021: 5 estratégias digitais que marcaram o ano e como aprimorá-las para alavancar as vendas em 2022

Retrospectiva 2021: 5 estratégias digitais que marcaram o ano e como aprimorá-las para alavancar as vendas em 2022

A era digital chegou para ficar e se adaptar às novas tendências não foi tarefa fácil para as empresas em 2021. Confira cinco estratégias digitais que deram certo e o que esperar para 2022

O ano de 2021 não foi fácil: em meio às incertezas relacionadas à pandemia e à retomada gradativa das atividades, as empresas precisaram adotar novas estratégias digitais para se adequar ao mercado e às exigências dos consumidores. A transformação digital tornou-se indispensável para sobreviver, ainda mais para aqueles negócios que quiseram ir além para se destacar perante seus concorrentes.

Empresas e consumidores experimentaram novos modelos de fazer negócios e de se comunicar, estabelecendo novos padrões de consumo e criando diferentes jornadas de compra no meio online. O atendimento digital passou de coadjuvante a peça central no relacionamento com os clientes. Mais do que nunca, agora é preciso se reinventar para se manter relevante.

Uma pesquisa da Samba Digital comprova esse movimento: cerca de 85% das empresas já perceberam que a transformação digital é algo para ficar de olho. Quando iniciamos o ano de 2021, convidamos você a conhecer as 5 estratégias digitais para melhorar os lucros da sua empresa nesse momento tão atípico.

Agora, te convidamos a entender como esses métodos ajudaram as empresas a enfrentar os desafios e a descobrir como aprimorá-las para começar o ano de 2022 com o pé direito.

Clique aqui para baixar o ebook com 5 estratégias digitais para 2021.

1. Presença digital

Independentemente do segmento no qual a sua empresa atua, a presença online é um dos aspectos mais importantes da estratégia de negócios digital. Seja no site, blog ou redes sociais, o conteúdo publicado deve ser a vitrine da empresa, mas muito além de apenas funcionar como um catálogo, a ideia é oferecer curiosidades e ajudar seus consumidores.

Em 2021, a nossa dica de ouro foi ficar de olho no Google Meu Negócio, ferramenta que permite às empresas interagir diretamente com os clientes, aparecer nos mapas de busca e apresentar produtos e serviços. O aplicativo será descontinuado em 2022, mas isso não significa que a ferramenta vai deixar de ser importante. Muito pelo contrário! Agora com mais funcionalidades, vai ser possível enviar mensagens aos clientes diretamente da aba de Pesquisa e administrar o perfil diretamente nas seções de Pesquisa e Maps, tornando tudo mais simples e de fácil acesso. Além disso, a ferramenta vai mudar de nome no próximo ano e passará a se chamar “Perfil da empresa no Google”.


2. A era do e-commerce

Quando identificamos que os e-commerces seriam a grande aposta para 2021, acertamos em cheio: se tem algo que a pandemia trouxe e veio para ficar são as lojas virtuais. No primeiro semestre de 2021, o e-commerce no Brasil bateu recorde de vendas e alcançou R$53,4 bilhões, de acordo com o relatório Webshoppers. Nossas dicas para 2021 continuam valendo para 2022: aposte em plataformas digitais para aumentar suas vendas, seja um site próprio ou um aplicativo.

3. Tendências de novos produtos e serviços digitais

Lançar novos produtos ou serviços sempre deve estar na mira das empresas e esse aspecto se potencializou ainda mais em 2021. É normal que em períodos de crise as pessoas busquem itens alternativos e até descubram uma nova necessidade de consumo. Assim, se manter antenado com as novas tendências de mercado é uma boa forma de oferecer aos consumidores o que eles desejam.

No campo das estratégias digitais, é importante fazer uma ampla divulgação nas mídias, explorando formatos diferentes e gerando buzz ao redor do novo produto. O que fez sucesso em 2021 continua em alta para 2022: produtos digitais como ebooks, cursos e palestras online são as grandes apostas. E não pense que isso só vale para empresas na área de educação! Qualquer segmento tem conhecimentos próprios com potencial de se tornarem infoprodutos. Antes de seguir adiante, no entanto, vale estudar a viabilidade de implementação dessa estratégia na sua empresa.

4. Propaganda online

Quem nunca se deparou com um anúncio antes de um vídeo ou uma publicidade no Instagram? A verdade é que a propaganda online é uma forma não só de anunciar os produtos, mas também de medir quantas pessoas foram impactadas pela sua campanha. Essa estratégia digital pode alavancar as suas vendas e trazer insights valiosos sobre os seus consumidores.

O que valia para 2021 continua valendo para 2022: um relatório da Statista afirma que a expectativa até 2025 é que o número de usuários de redes sociais no Brasil cresça 13%, somando mais de 180 milhões de pessoas conectadas. Então, impulsionar anúncios em buscadores como o Google ou em redes sociais como Facebook é um investimento que não deve ser ignorado.

5. Chatbots

Estar presente digitalmente, montar um e-commerce, lançar novos produtos e produzir anúncios sobre a sua empresa parece desgastante? Imagine ter que atender clientes em todas essas plataformas? Não é à toa que uma das principais estratégias adotadas em 2021 foi o uso de chatbots, robôs automatizados com inteligência artificial e capazes de realizar atendimentos a qualquer momento do dia (ou da noite). Tudo isso, claro, sem perder o calor humano no atendimento digital.

Mais do que realizar suporte e atendimento, os bots também podem realizar atividades de pós-venda e captar feedbacks dos clientes. As possibilidades são inúmeras: é possível criar fluxos personalizados para responder as perguntas mais frequentes, por exemplo. Com tantas vantagens, não é por acaso que o uso de chatbots deve crescer 24,9% até 2028!

E quando falamos em bots, falamos também em estratégias omnichannel. O que significa isso? Oferecer aos consumidores uma experiência única, independente do canal de comunicação através do qual ele entrou em contato. A ideia é estar disponível onde o seu cliente está e oferecer uma experiência memorável, capaz de encantar e fidelizar.

Para isso, vale a pena apostar em plataformas de atendimento digital, como a Huggy, capazes de integrar todos os canais e criar soluções como chatbots.


Clique aqui para baixar o ebook sobre Chatbots para negócios.
Marina Montenegro
Autor(a)

Marina Montenegro

Copywriter no time de Growth da Huggy

Assine nossos conteúdos

Fique por dentro das novidades e receba dicas de especialistas em atendimento digital.